Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Neste fim de semana aconteceu a assembleia de pastoral da diocese de Picos. Com o tema “Paróquia, comunidades de comunidades: viver e levar misericórdia a todos” a assembleia começou na sexta feira (06) com a presença do Bispo Diocesano, Dom Plínio, padres, seminaristas, religiosos, leigos (as) e foi ate domingo dia 08.

A assembleia teve como direcionamento o estudo do Documento 102 da CNBB (Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil) que fala em incrementar a animação bíblica da vida e da pastoral, com envolvimento de toda a comunidade, pessoas, pastorais, movimentos, associações e serviço. (…) Igreja seja uma “Escola de interpretação ou conhecimento da Palavra, escola de comunhão, e oração com a Palavra e escola de evangelização e proclamação da Palavra”. O estudo foi aprofundado pelo Coordenador Diocesano de Pastoral, Pe. Francisco de Assis. Na ocasião, refletiu sobre as urgências e pistas de ação, processo de planejamento, execução e continua avaliação das diretrizes para transforma-las em planos de pastoral.

Outro assunto abordado na assembleia foi a Carta Apostólica em forma de motu próprio “Mitis ludex Dominus lesus”, sobre a reforma do processo canônico para as causas de nulidade do matrimonio. Padre João Pereira, Juiz presidente do Tribunal Eclesiástico do Regional NE4 apresentou informações sobre a carta que foi lançada no dia 08 de setembro de 2015 e entra em vigor no dia 08 de dezembro do corrente ano.

A assembleia terminou domingo dia 08 Sob a presidência do Bispo Diocesano de Picos, contou com a participação dos padres, seminaristas, religiosas e leigo (a)s representantes das paróquias, pastorais, movimentos e organismos eclesiais. A programação diária incluiu celebrações, missa, exposição, palestras e trabalhos em grupos.

No final da Assembleia foi apresentada a Síntese Geral. Clique aqui e confira.