Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

As celebrações do jubileu da diocese de Oeiras encerraram neste último sábado, 12 de dezembro, dia de Nossa Senhora de Guadalupe, com uma vasta programação, formada por seminários e oficinas, exposição no Museu de Arte Sacra, recolocação da estátua do Cônego Cardoso, santa missa e ordenação presbiteral do diácono Rogério Nascimento. A partir das 08h da manhã, as caravanas vindas de todas as paróquias da diocese, foram acolhidas   nos   centros   de formação   onde   aconteceram   os   seminários   e   oficinas.

A Paróquia da Sagrada Família acolheu as Paróquias e/ou Áreas pastorais de Várzea Grande, Barra D’Alcântara, Tanque, Santa Rosa, Arraial e Francisco Aires, no ECC. Os participantes refletiram o tema: “Igreja – Casa da Caridade”, tendo como assessor o Pe. Geraldo Gereon. A Paróquia Nossa Senhora do Rosário recebeu as Paróquias e/ou Áreas Pastorais de São Miguel, Paes Landim, Socorro do Piauí, Santo Inácio e Colônia do Piauí,  na   Igreja  do   Rosário.  Refletiram   o   tema:   “Igreja   –   Casa   da   Palavra”,   com assessoria do Pe. Ivan Mendes, da diocese de Floriano. Já a Paróquia Nossa Senhora da Vitória acolheu as Paróquias e/ou Áreas Pastorais de Simplício Mendes, Campinas do Piauí, Conceição do Canindé, São Francisco de Assis e Isaias Coelho. Este seminário refletiu o tema: “Igreja – Casa do Pão”. Aconteceu na Igreja de Nossa Senhora da Conceição  e  foi   assessorado  pelo   bispo  emérito  de  Floriano,   Dom  Augusto Alves Rocha.

Ao meio dia os participantes das oficinas e seminários foram acolhidos nas famílias para o almoço. A partir das 14h, se dirigiram ao Centro Diocesano Dom Expedito Lopes, para a socialização e culminância das atividades formativas.

O dia foi bastante concorrido, com programação cultural no Museu de Arte Sacra, que abriu às 09h, exposição “Sala Episcopal – Memória dos 70 anos da diocese de Oeiras” e à tarde o Instituto Histórico de Oeiras em parceria com a diocese e com a Prefeitura Municipal fizeram a recolocação da estátua do Cônego Cardoso, um dos construtores da diocese de Oeiras, em frente à Casa Paroquial. Marcaram presença neste evento o bispo diocesano dom Juarez Sousa, dom Jacinto, arcebispo metropolitano de Teresina, dom Augusto Rocha, bispo emérito de Floriano, dom Plínio, Bispo de Picos, dom Valdemir, bispo de Floriano, o prefeito Lukano Sá, o Secretário de Cultura, Stefano Ferreira, o Secretário de Obras, Luiz Fernando, a vice presidente do IHO, a professora Maria do Espírito Santo Rêgo e demais sócios efetivos, além de padres, seminaristas, religiosas e populares.

Logo após a cerimônia, todos os fieis foram para o patamar da Igreja Catedral, onde conteceu   uma   para   liturgia,   com   apresentações   culturais,   entrega   de   placas comemorativas a leigos que são sinônimo de evangelização e entoação do Te Deum. Em seguida às 19h, teve início a celebração campal da santa missa de encerramento dos 70 anos da diocese de Oeiras e ordenação presbiteral do diácono Rogério Nascimento.

Todos os padres, seminaristas e religiosas da diocese, bem como convidados de outras dioceses participaram da celebração, que teve também a presença dos bispos que fazem arte do Regional NE 04, além de representações de todas as paróquias da diocese.

No final da celebração, o bispo diocesano, dom Juarez Sousa fez abertura da porta santa, assinalando a abertura do “Ano Santo da Misericórdia”, instituído pelo Papa Francisco, no dia 08 de dezembro.

O encerramento do jubileu foi um momento marcante: de festa, espiritualidade, cultura, formação e muito entusiasmo. São 70 anos de missão e evangelização nestes “Sertões de Dentro”, sob a assistência do Divino Espírito Santo e a proteção materna e amorosa de Nossa Senhora da Vitória, padroeira de Oeiras e do Piauí.