Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

No processo formativo dos futuros presbíteros da Igreja Católica a dimensão pastoral missionária possibilita unificar toda a formação, a partir da alegria do encontro com a pessoa e o Evangelho de Jesus Cristo. Daí nasce o discipulado missionário. Jesus chama os discípulos para fazerem uma experiência de convívio com Ele e os envia em missão (Cf Jo 1, 39; Mt 28, 19-20). Essa é a mensagem do papa Francisco para o dia Mundial das Missões.

Para tornar conhecida esta mensagem, o bispo responsável pela dimensão missionária do Regional Nordeste 4, da CNBB, Dom Eduardo Zielski reuniu-se neste último dia 28, quinta-feira,  com o COMISE (Conselho Missionário dos Seminaristas), no Seminário Interdiocesano Sagrado Coração de Jesus, em Teresina.

Mais do que um movimento na espiritualidade eclesial, o COMISE é uma dimensão mística que perpassa todo o processo formativo dos futuros sacerdotes. Além do bispo referencial, estiveram presentes a Coordenadora Regional Maria José, Pe. José Raimundo, do Seminário de Teologia e Pe. Gilberto Felipe do Seminário de Filosofia.

A mensagem do papa ressalta também o caráter da missionariedade da Igreja e do seu serviço à vida, sobretudo dos irmãos e irmãs que se encontram na periferia da fé, para lhes testemunhar o amor de Deus. Houve boa participação dos seminaristas nas intervenções feitas por alguns e todas essas experiências repercutem muito positivamente no itinerário formativo, bem como ajudam os seminaristas a relacionar conhecimentos teóricos e realidade sócio-pastoral, das oito dioceses do Piauí.

Foi apresentada a prestação de contas e ainda foram discutidos assuntos, como a participação de seminaristas no 2º Congresso Missionário de  Seminaristas, que será realizado em Belo Horizonte, nos dias 06 – 09 de julho deste ano.