Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Motivados pelo baixo estoque do Centro de Hematologia e Hemoterapia do Piauí – Hemopi, jovens que integram o Encontro de Jovens com Cristo arquidiocesano realizam a partir de hoje, 11, uma campanha de doação de sangue. Com o tema: “Ele deu tudo pra você doar um pouco”, a iniciativa pretende atingir a meta de 500 doações e para isso estão convocando toda a sociedade .

Taciana Bastos tem 27 anos e é membro do EJC Arquidiocesano. Ela explica que a campanha tem esse tom de urgência pela carência do banco de estoque, mas também surgiu do desejo de se doar ao próximo. “É uma questão de promoção da vida. Estamos mobilizando todas as paróquias e também através das redes sociais queremos fazer esse convite. Podemos salvar vidas e é muito simples. Basta que nos desloquemos até a sede do Hemopi”, convoca.

O dia D da Campanha será 16 de abril, sábado. Aos interessados em participar a diretora de coleta externa, Hortência Rocha explica que para doar é necessário apresentar documento com foto, emitido por órgão oficial e válido em todo o território nacional, além de ter entre 18 e 69 anos de idade e peso acima de 50kg.

Valem ainda algumas recomendações como nunca doar sangue em jejum. Orienta-se também fazer um repouso mínimo de 6h na noite anterior à doação e não ingerir bebida alcoólica nas 12h anteriores à coleta do sangue. Recomenda-se ainda evitar fumar pelo menos 2h antes e não ingerir alimentos gordurosos.

Hortência Rocha destaca a importância da ajuda da sociedade como um todo. É que nesses últimos dias o número de doações tem sido baixo. “Normalmente, o Hemopi recebe cerca de 160 doações diárias e isso não tem se concretizado”, lamenta.

Ela explica ainda que o processo de doação dura cerca de 50 minutos, mas o tempo para a coleta do sangue leva de 5 a 7 minutos.

“O futuro doador ao chegar aqui no Hemopi, passa pela triagem hematológica onde verifica se a pessoa possui anemia. Depois tem a triagem clínica por meio de uma entrevista com um médico que avalia a situação atual de saúde. Em seguida a pessoa faz um repouso seguido do lanche”.

O Hemopi fica na Rua 1º de Maio, 235 – Centro, Teresina. O telefone para contato é (86) 3221-4989.

Quem não pode doar

Quem teve diagnóstico de hepatite após os 11 anos de idade, gestante ou mulheres que ainda estão amamentando, pessoas que estão expostas à doenças transmissíveis pelo sangue.

Telefones de membros do EJC Arquidiocesano

99500-6606 (Marcio Melo)
99944-8725 (Taciana Bastos)

Por Vera Alice Brandão