Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Na tarde do último sábado, 10 de agosto, faleceu em Teresina (PI), dom Joaquim Rufino do Rêgo, bispo emérito de Parnaíba. “Aos nossos irmãos da Diocese de Parnaíba, nossos sinceros votos de pesar”, declararam, em nota oficial, os bispos do Regional Nordeste 4 da CNBB.

Dom Joaquim Rufino do Rêgo nasceu em Picos em 14 de janeiro de 1926. Foi ordenado sacerdote no dia 05 de outubro de 1952 em Roma. Trabalhou em Oeiras e foi pároco nas cidades de Simplício Mendes, Paulistana, e Picos.  Em 1971 foi nomeado como primeiro bispo diocesano da recém-criada Diocese de Quixadá (CE).

Nesta diocese, desenvolveu um trabalho pastoral bastante intenso, enfrentou grandes períodos de estiagem e falta de clero. Construiu um Seminário Menor e se empenhou bastante na Pastoral Vocacional. Em 1986 foi transferido para a Diocese de Parnaíba, onde criou novas paróquias, se destacando também na ênfase ao trabalho vocacional. Em 2001 renunciou, por motivos de idade, ao governo da diocese.

Nove bispos e mais de 50 padres se reuniram na Igreja Catedral de Parnaíba no último domingo, 11 de agosto, para celebrar as exéquias, onde o corpo foi sepultado.

“Dai-lhe, Senhor o repouso eterno e que a luz perpétua o ilumine!”

Dom rufino, parnaíba

dom alfredo, dom plinio, dom valdemir

 

“Paz e Bem! Lamentamos profundamente o falecimento de nosso querido Bispo Emérito, da Diocese de Parnaíba, ocorrido sábado, em Teresina. O seu corpo foi sepultado em Parnaíba. Aos nossos irmãos da Diocese de Parnaíba,  Nossos sinceros votos de pesar. Que Deus, na sua infinita bondade, acolha Dom Rufino, recompensando lhe todo o bem e serviço doado à Igreja, no Piauí, Regional Nordeste 4”. Pe. Luiz Eduardo Bastos – Secretario Executivo