Diocese de Picos

A Diocese de Picos foi criada aos 28 de outubro de 1974, pela bula “Neminem Latet”, do Papa Paulo VI, desmembrada da Diocese de Oeiras. A nova Diocese, desmembrada, ficou constituída por 17 municípios, que formaram 5 paróquias, servidas por 8 sacerdotes. O principal incentivador da criação da Diocese foi o Bispo de Oeiras, na época, Dom Edilberto Dinkelborg.

Em 21 de Setembro de 1975, com a instalação da Diocese, tomou posse seu primeiro Bispo, Dom Augusto Alves da Rocha, que governou até o ano de 2001, quando foi transferido para a Diocese de Oeiras-Floriano. No período de vacância a Diocese de Picos foi administrada pelo Padre Francisco Bezerra Neto, até que foi nomeado e tomou posse, em 31 de Janeiro de 2004, o segundo Bispo de Picos, Dom Plínio José Luz da Silva.

Bispo: Dom Plínio Luz

Visite o site da Diocese

Instagram

REDES SOCIAIS

Participe de nossas redes sociais: curta, comente e compartilhe com todos!

Parceiros

  • pub_scj.png
  • embarqueturismo.jpg