Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Foi instalada, durante a 31ª Assembleia Regional de Pastoral, a Comissão de Justiça e Paz (CJP) do Regional Nordeste 4 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). A Assembleia aconteceu de 28 a 30 de julho no Centro de Treinamento Padre Tony Batista, em Teresina, com o tema ‘Pão e Caridade: Pilares da vida cristã em missão’ e lema ‘E não havia necessitados entre eles’.

Composta por 12 membros titulares a comissão terá por bispo referencial o presidente da Comissão Regional Nordeste 4 da CNBB e bispo de Parnaíba, Dom Juarez Sousa da Silva. Também compõem a comissão: Padre Ataan Nerson (secretário do Regional), Carlos Alberto Amorim (advogado),  Leida Maria de Oliveira (promotora de Justiça), Maria Hortência Mendes (educadora), Jeane Nascimento (pedagoga), Hidelbrando Pires (comunicador), Alessandro Lopes (advogado), Daniel Oliveira (advogado), Hildeth Evangelista (defensora pública), Emylly Carneiro (estudante de Direito) e Tiago Oliveira (estudante de Direito).

A Comissão Regional de Justiça e Paz (CJP) é um organismo da CNBB e tem por objetivo a defesa dos direitos humanos, da democracia e da justiça social à luz do Evangelho e da doutrina social da Igreja. É Função da comissão o estudo dos grandes problemas com vistas ao desenvolvimento das nações, especialmente quanto à fome e à paz no mundo.

O representante da Comissão Brasileira de Justiça e Paz, José Carlos, da Arquidiocese de Brasília, falou sobre a implantação da CJP no Regional Nordeste 4:

A instalação da CJP no Regional é um momento oportuno para o desenvolvimento do estado, que ainda carece de investimentos, oportunidades de emprego e políticas públicas voltadas para a manutenção da dignidade humana. O grupo está bastante empenhado e tenho certeza que irá conseguir alcançar bons resultados e atender as necessidades de todas as dioceses do Piauí.