Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O bispo auxiliar do Rio de Janeiro e secretário-geral da CNBB, dom Joel Portella Amado, divulgou uma carta convite direcionada a todos os bispos do Brasil para que no próximo domingo, 11 de abril, Domingo da Misericórdia, os sinos de todas as igrejas repiquem. A ação será um ato de comunhão com todas as famílias impedidas de vivenciar o luto, do esforço dispendido pelos profissionais da saúde e do desejo dos brasileiros quanto à superação da pandemia.

Cada diocese poderá também criar programações próprias para a vivência deste momento. Leia a carta na íntegra:

Brasília, 26 de março de 2021

Aos senhores (Arce)bispos, em suas sedes.

 REPICAR DE SINOS NO DOMINGO DA MISERICÓRDIA

Prezados irmãos,

Em sua última reunião, o Conselho Permanente, acolhendo pedidos, ratificou a importância de manifestarmos sinais de esperança, fé e solidariedade diante das mortes pela covid-19, das famílias impedidas de vivenciar o luto, do esforço dispendido pelos profissionais da saúde e do desejo dos brasileiros quanto à superação da pandemia.

Diante disso, com a aprovação de todos os membros do Conselho Permanente, propomos aos irmãos bispos uma ação pastoral simples e tradicional: toque de sinos em todas as igrejas, às 15:00, no domingo da Misericórdia, dia 11 de abril. Além dessa proposta, cada bispo, em sua jurisdição, certamente poderá pensar em outras ações pastorais, informando-nos para que façamos a divulgação e compartilhemos as experiências.

Retirando os votos de santa e abençoada Páscoa, permaneço ao dispor para o que se fizer necessário.

D. Joel Portella Amado
Bispo auxiliar do Rio de Janeiro, RJ
Secretário-Geral

Baixe a carta na íntegra clicando aqui.